Arquivo de abril 21st, 2012

abr 21 2012

Sobre visitas à maternidade!

Publicado por em Gravidez

Eu sempre tive uma opinião formada sobre visitas à maternidade: achava UÓ. A mulher tá alí, exausta, de camisola, com dor, sangrando, aprendendo a amamentar, puta momento íntimo e você lá, num espaço de menos de 20 metros quadrados, querendo que ela te faça sala. Achava absurdo e só ia visitar na maternidade amigas muito íntimas e família.

Até que eu engravidei.

E comecei a ler e conversar com outras mães sobre o assunto. E me convencer do benefício da visita à maternidade. E mudei de opinião. Comigo vai ser assim: ou visita na maternidade ou somente um mês depois (no mínimo) na minha casa. O motivo principal que me fez mudar de idéia foi a estrutura que você tem no hospital e a duração das visitas, que será bem mais curta do que na sua casa. Fora que em casa você terá que se preocupar com o cafézinho, servir algo para comer, ter que lidar com a rotina do bebê, servir as coisas e no meu caso, administrar 3 cachorros para não incomodar a visita (principalmente para aquelas visitas chatas – a maioria – que não gosta de cachorro ou que diz que gosta mas fica visivelmente incomodada quando o cachorro chega perto ou da aquela lambidinha de leve no pézinho dela). E em casa a pessoa fica no mínimo 1 hora e meia, quando no hospital as visitas tendem a durar de 20 a 30 minutos (para aqueles que tem bom senso, óbvio).

Então pronto, decidi que vou aguentar o look inchado e bizarro de recém parideira e receber os amigos (que será um prazer) e os conhecidos no hospital mesmo (como conhecidos do meio profissional – acho isso péssimo mas infelizmente tem gente do seu trabalho que se acha íntimo o suficiente para te visitar num momento desses). Vamos selecionar os mais chegados, claro, e mandar email avisando sobre o nascimento e os horários de visita.

Agora, depois que chegar em casa, quem quiser visitar vai ter que esperar no mínimo 1 mês. E quem não gostar de cachorro nem precisa ir, porque eu amo meus cachorros mais que a meus pais, então não tenha a pretensão de achar que eu tenho que te aturar se você não gosta de um ser que é infinitamente superior a você (deu para notar o sangue escorrendo pelo boca?). E quem gostar de cachorro e for visitar, tem que levar presentinho para os dogs também, afinal se houvesse outra criança na casa você levaria para ela não ficar com ciúmes não é? Hhahahahah, brincadeira gente.

Mas falando sobre a visita em si, encontrei este post aqui e esse outro post que gostei bastante (com exceção da parte das flores, rs). Fala sobre o assunto e os bons modos. Vale a pena ler e entender um pouco mais sobre esse momento íntimo (ÍNTIMO gente!!!!) da família que acabou de nascer.

E aqui um guia de boa conduta nas visitas!

Lembre-se de não levar FLORES, pois a maioria das maternidades (inclusive a que terei a Sarah), não permite que as flores fiquem no quarto, então se durante a gravidez você não deu nenhuma lembrancinha para o bebê, leve algo simples como uma roupinha, uma meia, um mordedor, um brinquedo ou até chocolates para a mãe, mas flores não tá?

Beijocas!

2 coment??rios