Arquivo da Categoria 'Saúde'

out 21 2011

Maquiagens que são um must have!

Publicado por em Saúde

Existem centenas de blogs e sites de maquiagem na net dando mil dicas. São super úteis e vira e mexe nos ajudam a entender o b-a-b-á desse universo tão delicioso.

Mas imagino que a maioria de vocês seja como eu, não usa quilos de maquiagem todos os dias, produtos super específicos para cada parte do rosto, etc. A maioria das mulheres usa o quarteto base + rimel + blush + batom no dia a dia.

E é por isso que acho essas dicas super valiosas, pois são daquelas maquiagens que vale muito a pena ter para usar diariamente e não precisa ser um expert em maquiagem para entender muito bem.

Os 4 produtos que não saem da minha bolsa por nada, e que nunca fico sem estoque são:

1) Curvex do Shu Uemura

Você deve achar meio absurdo eu dizer que isso é um item do dia a dia, porque eu até antes de conhecê-lo também achava um exagero usar curvex. Mas minha filha, você não tem idéia do que é esse curvex, é coisa de outro mundo, nenhum rímel vai fazer por seus cílios o que ele faz. É definitivamente um must have, e acredite, todos os outros curvex são lixo perto dele.

 

 

2) Base

Aqui é um pouco complicado, porque eu não achava que existia vida após o Studio Fix (líquido, porque o pó não gosto) da MAC, até eu conhecer o Teint Miracle da Lancome.

 

 

O Studio Fix é perfeito, simplesmente deixa sua pele com aspecto de um pêssego, super uniforme, linda, excelente para usar no meio profissional, na balada, festas, etc.

Era um caso de amor destinado à eternidade. Não sei se existe algo melhor que o Studio Fix.

Mas aí fui seguir a dica de uma blogueira e comprei o Teint Miracle. Essa outra belezura ficou famosa por ser a base usada pela princesa Kate Middleton no dia do seu casamento. Comprei e amei, é muito parecida com o Studio Fix mas talvez um pouco mais leve. Não sei dizer qual é melhor, acho que são iguais mas diferentes entende? Talvez o Studio Fix dê um ar mais pesado que o Teint Miracle, mas em conpensação de perto ele dá menos pinta que você está coberta de base.

Eu uso o Teint Miracle de dia e o Studio Fix a noite, e às vezes inverto, não é regra e não quer dizer que um funciona melhor de dia e o outro de noite, vai depender muito da sua pele. Acho que o Studio Fix é menos oleoso, isso sim.

Enfim, se você puder, compre os 2. Se tiver que escolher um, ai que difícil, mas eu acho que sugeriria o Studio Fix, não me pergunte porquê, coisa de primeiro amor.

3) Touche Eclat

Esse bastãozinho é meu melhor amigo, uso diariamente, mesmo quando estou com uma das bases acima. Mas uso muito mais do que elas, uso todo santo dia, principalmente quando tô com espinhas e não quero passar base para piorar a pele ou quando estou com preguiça de melecar a cara toda.

Diz que ele é um corretivo iluminador em forma de caneta, mas para mim ele é mais que corretivo. Como o nome diz, é um toque radiante, e juro por Deus, aquela reunião as 5 da tarde, você com aquela cara de ameixa seca, cansada, é só passar um pouco embaixo dos olhos, do lado do nariz, na região T e pronto, parece que você acabou de acordar e está com a pele fresca e rejuvenecida. Uso diariamente, é definitivamente um must have. Custa uns 40 dolares nos US mas dura uns 45 dias.

 

 

Junto com o curvex do Shu Uemura, com certeza não deixaria de ter os dois!

E você, tem alguma dica de algum produto que não vive sem?

2 coment??rios

maio 26 2010

Biking

Publicado por em Saúde

Já disse que há 3 semanas que tenho ido e voltado do trabalho de bicicleta? E o melhor, que peguei gosto e até sinto falta em dias como hoje onde uma gripe braba me pegou e não podia tomar friagem?

Deus é pai, me encontrei na atividade física ( e espero não me perder, kkkk).

Agora o pesooooo, tá feia a coisa, quando eu acho que tô no fundo do poço, consigo engordar mais ainda. Estou irreconhecível, e a minha vontade de emagrecer tá que nem Lost, quando você acha que vai encontrar, descobre que tá todo mundo morto.

Já disse que odiei o final de Lost?
Já disse que a quarta temporada de Brothers & Sisters foi a coisa mais linda e emocionante que já assisti na vida? E que o episódio final me deixou desesperada pela quinta temporada?
Faça um favor a você mesmo, baixe B&S desde a primeira temporada e aprenda quais são os verdadeiros valores da vida!

Volto em breve!

Nenhum coment??rio

maio 12 2010

2º dia!

Publicado por em Saúde

Passei aqui só para dizer que hoje, apesar de estar beeeeeem mais frio, com a bunda e o meio das pernas extremamente doloridos daquele maldito banco da bicicleta, que eu vim DENOVO trabalhar de bike. Orgulho do meu ser.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Nenhum coment??rio

maio 11 2010

Ciclismo

Publicado por em Dieta,Saúde

Eu estou fisicamente com um corpo de uma mulher de 60 anos, não é exagero, só vejo minha mãe de biquini e me enxergo direitinho. Muita celulite, pançona, culotes, seios arriados, parece que tive 3 filhos e que a vida foi dura comigo.

É resultado de mais de 10 anos sem exercícios físicos (sim, fiz durante 6 meses em Londres e só!), de muito carro e pouca caminhada, de muita preguiça, de infinitas matrículas em academias e desistências express!

Eu preciso encontrar uma atividade que me dê prazer. Infelizmente isso não existe nesta vida. O que me dá prazer é comer. Ponto. Nem adianta sugerir nada porque não vou gostar, tenho certeza.

Então eis que surge uma OPÇÃO de vida, tentar ser um pouco saudável, colocar o corpo para funcionar, deixar meu coração mais forte, qualquer coisa em nome de um pouco de saúde, e quem sabe acabar com a flacidez horrorosa das minhas pernas!

A opção foi ser amiga da natureza, não se estressar mais com o trânsito e ter um pouquinho de qualidade de vida. Neste final de semana dei uma recuperada na minha bike, comprei capacete, luz de alerta e vou começar a trabalhar de bicicleta! Sim, de bicicleta! Sim, na perigosa São Paulo! Sim, vou chegar suada no trabalho. Sim para tudo que vai contra esta decisão.

Ia começar hoje e aí CHUVAAAAAAAAAA em São Paulo. Amanhã eu tento denovo. Moro perto do trabalho, cerca de 20 minutos de caminhada, 15 a 20 minutos de carro, tem dia que demoro 40 a 50 minutos por causa do trânsito.

Não é uma boa idéia ir de bicicleta? Claro que é complicado chegar suada, mas é bem perto, acredito que em menos de 10 minutos estarei no trabalho. Tomarei banho antes de sair e chegarei mais cedo, lavo o rosto, ligo o ar condicionado no toco e me troco. Aqui tem onde deixar a bike, vai ser uma ótima alternativa ao trânsito caótico!

Claro que tem que ter cuidados, por isso todos os acessórios. E vou por ruas mais tranquilas, são uns 7 quarteirões até chegar no Parque do Povo, aí é tranquilo pois vou dentro dele, ou na calçada dele que é bem larga. Vai ser engraçado e assustador até eu pegar o jeito, mas vou tentar, e quem sabe, me animar!

Abaixo algumas dicas para os ciclistas urbanos:

Em tempo: eu VIM SIM de bicicleta hoje, quase morri sem fôlego, as pernas estão bambas mas eu adorei, me senti tão bem, tão “cuidando de mim”, e foi tranquilo em relação ao trânsito. Vamos ver para voltar, que será de noite!!!

4 coment??rios

abr 29 2010

Mike e o dodói – a CURA!

Publicado por em Família,Saúde

Então, lembram deste post?

Pois é, levamos o Mike ao terceiro veterinário para tentar acertar no tratamento para a maldita tosse do canil que ele pegou. Eu já estava esgotada, confesso que a minha fé estava por um fio. Pedia e pedia e pedia a Deus e nada! Promessa de um mês sem café, mil orações, mil questionamentos e quase sem paciência para esperar o tempo de Deus.

E amém pois o tempo Dele chegou, e Mike está praticamente curado.

Adoramos o veterinário, um cara bem simples, cobrando muito barato por tudo, inacreditável. A única desvantagem é que é bem longe, e Mike toda vez vomita na volta de tanto buraco e curva que tem no caminho, tadinho.

Mas o diagnótico foi mesmo tosse do canil, que devido a ter demorado muito para tratá-la (ai que raiva do Veterinário número 1), acabou deixando uma marquinha na traquéia dele, mas ele tinha esperança de cura.

Levamos ele para fazer exame de sangue (ficou bonitinho) e tirar raixo-x. Meu Deus, parecia que estávamos matando o coitadinho! Ele gritava desesperado, 3 pessoas tomando radiação para segurar ele na posição em cima da mesa, um escândalo. Aí na hora de tirar sangue ficou quietinho, vai entender!

Aí não deu nada nos exames, então começamos com antibiótico oral (já faz 14 dias, ficaremo com 21 dias para ter certeza que ele vai ficar bem!) e injeções com anti-alérgico e anti-inflamatório dia sim dia não. E essa era a parte mais dolorido e cansativa. Sair do trabalho, pegar o Mike, cruzar a cidade, dar injeção e ele gritar, cruzar a cidade devolta, ele vomitar na casinha no caminho, deixar ele em casa, limpar a casinha e correr devolta para o trabalho. UFA.

Estava tudo indo muito bem, na primeira semana ele demorou mas já começou a apresentar melhoras, fomos tendo fé e paciência. Aí na segunda semana, Rafa foi levá-lo, e aí vocês não acreditam, o veterinário mudou o laboratório da medicação, e o remédio deu alergia no Mike. Rafa deixou ele em casa e quando estava saindo reparou que ele estava meio inchado, quando foi ver de perto, ele estava praticamente deformado. Correu lá e deu injeção anti-alérgica muscular, e ele já foi melhorando tadinho. Quanto sofrimento para um bixinho tão pequenino.

Vejam as fotos dele todo inchadinho.

Eu quase morri do coração, estava super enrolada no trabalho, não tinha como sair daqui, Rafa me mandando estas fotos e eu com o coração na mão de não estar lá com o meu bixinho naquele momento. Ai que judiação.

Mas ele ficou bom rapidinho, graças a Deus, e continuou com o tratamento e esta cada vez melhor. Fazem 5 dias que não escuto ele tossir, hoje de manhã cedo ele deu uma raspadinha na garganta, mas acho que foi por causa do ventilador e janela aberta (que calor!), vamos ver! Ele continua no antibiótico mas as injeções cessaram. No sábado ele já tomou vacina, a segunda dose (era para ele já ter terminado a quarta dose e poder sair na rua). Não vemos a hora dele terminar as vacinas e poder sair na rua, e ficar mais ativo e mais feliz. Ele tá muito espuleta, ontem cheguei em casa 18:30 e brincamos até 11:00 sem parar, se você para, ele fica latindo até você voltar a brincar, um figurinha.

De manhã cedo (religiosamente às 6:30 todo santo dia, inclusive final de semana, afe!) ele pula no meu pescoço e me lambe até eu levantar para ficar com ele. Esses passeios tem que começar logo para ele se cansar e deixar a gente dormirrrrrrrrrrrrr!!!

Umas fotinhas mais recentes do espuleta mais amado do Brasil.

2 coment??rios

nov 05 2009

Aprenda a ter um infarto feliz!

Publicado por em Saúde

Recebi e achei muito legal para abrir nossos olhos!

DOZE CONSELHOS PARA TER UM INFARTO FELIZ!

Dr. Ernesto Artur – Cardiologista

Quando publiquei estes conselhos “amigos-da-onça” em meu site, recebi uma  enxurrada de e-mails, até mesmo do exterior, dizendo que isto lhes serviu de alerta, pois muitos estavam adotando esse tipo de vida inconscientemente.

1. Cuide de seu trabalho antes de tudo.  As necessidades pessoais e familiares são secundárias.

2 Trabalhe aos sábados o dia inteiro e, se puder, também aos domingos.

3. Se não puder permanecer no escritório à noite, leve trabalho para casa e trabalhe até tarde.

4. Ao invés de dizer não, diga sempre sim a tudo que lhe solicitarem.

5. Procure fazer parte de todas as comissões, comitês, diretorias, conselhos e aceite todos os convites para conferências, seminários, encontros, reuniões, simpósios, etc.

6. Não se dê ao luxo de um café da manhã ou uma refeição tranqüila. Pelo contrário, não perca tempo e aproveite o horário das refeições para fechar negócios ou fazer reuniões importantes.

7. Não perca tempo fazendo ginástica, nadando, jogando bola ou tênis. Afinal, tempo é dinheiro.

8. Nunca tire férias, você não precisa disso. Lembre-se que você é de ferro… E ferro , enferruja… Rsss…

9. Centralize todo o trabalho em você, controle e examine tudo para ver se nada está errado.. Delegar é pura bobagem; é tudo com você mesmo.

10. Se sentir que está perdendo o ritmo, o fôlego e pintar aquela dor de estômago, tome logo estimulantes, energéticos e anti-ácidos. Eles vão te deixar tinindo.

11. Se tiver dificuldades em dormir não perca tempo: tome calmantes e sedativos de todos os tipos. Agem rápido e são baratos.

12. E por último, o mais importante: não se permita ter momentos de oração, meditação, audição de uma boa música e reflexão sobre sua vida. Isto é para crédulos e tolos sensíveis.

Repita para si: Eu não perco tempo com bobagens.

OS ATAQUES DE CORAÇÃO

Uma nota importante sobre os ataques cardíacos..

Há outros sintomas de ataques cardíacos, além da dor no braço esquerdo (direito). Há também, como sintomas vulgares, uma dor intensa no queixo, assim como náuseas e suores abundantes.

Pode-se não sentir nunca uma primeira dor no peito, durante um ataque cardíaco. 60% das pessoas que tiveram um ataque cardíaco enquanto dormiam,  não se levantaram… Mas a dor no peito, pode acordá-lo dum sono profundo.

Se assim for, dissolva imediatamente duas Aspirinas na boca e engula-as com um bocadinho de água. Ligue para Emergência (193 ou 190) e diga ”ataque cardíaco” e que tomou 2 Aspirinas. Sente-se  numa cadeira ou sofá e force uma tosse, sim forçar a tosse pois ela fará o coração pegar no tranco; tussa de dois em dois segundos, até chegar o socorro.. NÃO SE DEITE!!!

Um coment??rio

ago 10 2009

Segunda semana = check!

Publicado por em Dieta,Saúde

E encerro a segunda semana de VP nesta segunda-feira com 1,0 kg a menos! Ao todo já foram 2,2 kg. Estou contente com o resultado, mesmo sabendo que poderia ser melhor se eu tivesse me controlado mais nos finais de semana.

Mas estou sem pressa e motivada, cada vez mais incorporando hábitos no dia a dia, e me sentido feliz por isso. Recebi meus DVDs de malhação na sexta-feira, vou começar a treinar hoje a noite. Preciso em mexer, senão não vai ter jeito.

Tô muito feliz! Inicio a terceira semana hoje querendo dar mais de mim, me controlar mais, tomar mais água, mais chá, mais frutas, mais malhação, etc… vou chegar lá, me aguardem. Vou fazer 31 anos no shape! Hahhaha

Boa semana a todos!

Nenhum coment??rio

mar 17 2009

A cirurgia

Publicado por em Saúde

Vamos ao relato.

Foi tudo muito tranquilo, não senti dor e por isso já agradeço imensamente, pois na retirada da vesícula sofri bastante. Fiquei em jejum desde às 8:30 da manhã e fiquei a manhã toda com os caras da mudança do Guarda Móveis que aluguei. O fato é que meu apartamento que já é pequeno estava abarrotado de presentes desde o casamento, e não aguentava mais aquilo. Aí vieram os caras, encaixotaram tudo e levaram!

Quando foi 3 da tarde fui para o hospital, sozinha. E ficou todo mundo me perguntando: “e seu acompanhante?”. Ai me irritei, anestesia local, procedimento simples, nem no centro cirúurgico o acompanhante pode entrar, então para que levar alguém para deixar na recepção?

Fiquei esperando alguns minutos, me trocaram, fui para o centro cirúrgico, começamos a conversar, levei a picadinha da anestesia e depois de alguns segundo apaguei. Só acordei quando a doutora me chamou e disse que havia  acabado. Olhei no relógio e haviam passado 25 minutos, bem rápido. Fui para a sala de recuperação e lá Rafa me esperava. Fiquei alguns minutos, dormi um pouquinho (muito sono, dormi 3 dias sem parar com esse sedativo que me deram), comi um lanchinho (estava faminta) e fui para casa. Dormi bem a noite e no dia seguinte pela manhã já tirei o curativo horroroso que vocês viram abaixo.

Não senti nada de dor, para quem precisar fazer esta cirurgia é algo bem tranquilo, graças a Deus.

Seguem as fotos do antes e depois!
O antes, bem inchado

img004061img004071

O durante/pós operatório

img004101

O depois (assim que tirei o curativo, cheio de pomada!)img004131

E euzinha hoje, primeiro dia usando maquiagem depois de 6 dias da cirurgia (essas fotos de perto a gente fica nariguda né? FALA QUE SIM!)

img00415

Volto quando der, com novidades boas!

Update: LEIAM OS COMENTÁRIOS POIS TEM MUITA INFORMAÇÃO ÚTIL!

59 coment??rios

fev 11 2009

Calázio

Publicado por em Saúde

Terçol e Calázio
Quase todas as lesões da pálpebra são popularmente consideradas terçóis, embora existam duas patologias diferentes responsáveis por seu aparecimento: uma com infecção, o terçol, e a outra sem infecção, o calázio.
O calázio ou chalázeo consiste na inflamação da glândula de Meibômio, que não é produzida por bactérias. Mesmo depois de controlada a inflamação, ele pode circunscrever e ficar na pálpebra sob a forma de um granuloma que, sem sinais inflamatórios, aumenta ou diminui de tamanho, quando a secreção produzida pela glândula não consegue ser eliminada. O aparecimento freqüente de calázios pode ser indicativo de algum defeito de refração do olho.
Como se estabelece a diferença clínica entre calázio e terçol?
O terçol se instala mais na borda da pálpebra perto dos cílios por causa da localização das glândulas e os sinais da inflamação são mais acentuados. Embora haja mais rubor, mais dor e mais calor, ele geralmente drena ou desaparece espontaneamente. Por sua vez, o calázio atinge uma glândula mais profunda e, mesmo depois de ter sido controlada a inflamação, fica um granuloma que pode aumentar ou diminuir sem sinais inflamatórios, pois de vez em quando a glândula volta a produzir secreção que não consegue eliminar porque há um bloqueio na saída.
Porque estou dizendo isso?
Não lembro se mencionei aqui que estava com uma bola no olho. Depois de consultar uma dermatologista + oftalmologista, descobri que estou com o tal “calázio”…. E pior, o meu já evoluiu de uma forma (tem 3 meses) que compressa quente não vai funcionar. Somente procedimento cirúrgico vai resolver. Vou tomar uma anestesia local e vão cortar a minha pálpebra por dentro e remover o tal calázio. Tem internação em hospital, mas pelo menos não preciso dormir.
Decidi marcar para quinta-feira que vem, sim véspera de carnaval, mas pelo menos só perco a sexta-feira de trabalho e tenho 4 dias para me recuperar!
Oh saco viu, não aguento mais ficar doente! Primeiro a vesícula, depois os hormônios, depois a gripe, depois a infecção urinária (ainda estou tratando e não sarei!!!) e agora isso. Já chega né?
Mas quem colocou olho gordo em mim acertou direitinho, porque até uma bola gorda (e não estou falando de mim mesma!) apareceu no meu olho. Já chega, eu rejeito em nome de Jesus todas essas coisas ruins na minha vida. E o que você desejar para mim, voltará em dobro para você.
Oh saco!
Tô bem chateada com isso…
As fotos abaixo do meu calázio, que aparece mais quando estou de olho aberto (não tem um que não me pergunta se estou com terçol)…..
Update: para saber como foi a cirurgia de retirada do meu calázio, clique aqui!
Update 2: LEIAM OS COMENTÁRIOS POIS TEM MUITA INFORMAÇÃO ÚTIL!

56 coment??rios

nov 18 2008

A operação – Retirada da Vesícula

Publicado por em Saúde

Na quinta-feira, dia que operei, acordei e tomei um café reforçado pois precisaria ficar em jejum por oito horas. As 14:30 saí de casa dirigindo, peguei o Rafa e fomos fazer a internação. Operei no São Luís e achei um espetáculo o hospital. Referência em maternidade em São paulo, também surpreendeu como um maravilhoso hospital. Fiz a ficha e ganhei uma necessaire com tudo que uma pessoa precisa. De lá fomos para o quarto aguardar o anestesista. Eu estava com um sono violento e não me aguentava em pé. Estava super calma. Esperamos mais de uma hora pelo anestesista, que chegou no quarto eram 17:30, e a operação estava marcada para as 18 horas.
Eu já estava muito sonolenta para estar preocupada com algo. Sabia que seria um procedimento comum e sem muita dor (achava eu).
Conversamos com o anestesista (uma graça) e em seguida chegou uma enfermeira. Coloquei aquele macacão super sexy que dá para ver até o útero e tomei um pré-anestésico na bunda. Queria ter ido dormindo, mas como foi na bunda não fez efeito rápido.
Em seguida entrou a maca, deitei e fomos rumo ao centro cirúrgico. Neste momento Rafa ficou no quarto. Entramos no centro cirúrgico, milhões de sala, um painel gigante, médicos e enfermeiras passando de lá para cá, me impressionei com o tamanho. Entrei na minha sala e deitei da maca para o leito. Começaram a trazer a tv (foi videolaparoscopia) e colar os adesivos do eletro (acompanhamento dos batimentos). Depois as lembranças são vagas, pois já estava grógue. Lembro do anestesista na sala, furando meu pulso, por onde fiquei recebendo remédios no pós operatório. Lembro também de uma enfermeira colocando aqueles negócios de respirar, de fazer inalação na minha face, eu achei que era só oxigênio, mas acho que tinha algo lá, talvez a anestesia, pois numa das acordadas me lembro de tirar o negócio (empurrando a mão dela) por sentir uma dor na barriga muito forte, depois apaguei.
Acordei na sala de recuperação, e diferente da última que eu fiquei quando operei do nariz e também tomei anestesia geral, era humana. Digo, tinha bastante gente, bastante enfermeiros, algumas pessoas acordadas. Lembro de acordar chorando, não me lembro porquê. Não lembro se estava com dor. Mas assim que abri o olho a primeira coisa que fiz foi passar a mão na barriga e sentir se já tinha sido operada…. não tinha forças para nada, dormia e acordava, até que comecei a passar muito muito frio, tremia muito (reflexo da anestesia, normal) e colocaram trezentos cobertores e não adiantava e colocaram um elétrico que adorei, ficou bem quentinho (isso eu acho né, porque ficou tão quentinho que não é possível que não era elétrico).
O fofo do anestesista (parecia pai) veio me perguntar se estava tudo bem, eu lembro de dizer que estava com um pouco de dor e lembro dele injetando algo no soro, que ardeu, mas logo dormi denovo.
Lembro de acordar e olhar no relógio e já ser 20:45…. resolveram me levar para o quarto…. o cara do meu lado, super acordado (parecia que só estava alí para doar sangue de tão acordado), lembro dele chamando a enfermeira super consciente, dizendo:”estou com um pouco de dor”… Quando eles estavam começando a me mover, ele perguntou o que eu tinha operado, eu disse:”retirei a vesícula”, e ele numa empolgação de quem descobriu a América me diz: “Eu também”. desacreditei. Ou ele operou MUITO antes do que eu e demorou para ser liberado ou eu tava muito cansada e por isso tão passada. Não lembro do caminho até o quarto.

Lembro que cheguei, lembro do Rafa com cara de preocupado, lembro deles me escorregarem da maca para a cama, lembro do enfermeiro vir se apresentar e perguntar se estava tudo bem:”Estou com um pouco de dor”, nem doía tanto, mas quis garantir um analgésico para antes de vir uma dorzona.

E não lembro de nada de que conversei com o Rafa. Lembro dele me mostrando a pedra. O médico foi até lá para tranquilizá-lo (ele estava suando frio) e entregou a pedra num vidrinho. Ela é um pouco maior que um mendorato (grande até). Dormi e acordei quinhentas vezes durante a noite, porque toda hora entrava um enfermeiro para me dar algum remédio ardido, mas que garantiu uma bela noite de sono. Na madruga, devido ao soro constante, a bexiga apertou, de uma hora para outra. Apertei o botão e chamei a enfermeira. Ela me sentou e pediu que eu esperasse 10 minutos e a chamasse novamente pois eu tinha que me acostumar para não ficar tonta e cair. Não aguentei 2 minutos e já liguei denovo, levantei, um pouquinho de dor, fiz um xixi de 40 minutos e voltei a dormir. De manhã já fui sozinha (com ajuda de Rafa), esperei o médico, que veio, me deu alta e como recomendação caminhar MUITO, para movimentar os gases que entram com o equipamento, e a caminhada é a única solução para a dor, causada pelos gases. Se ficar deitada, a dor será maior. E era tiro e queda. Levanta e vinha aqueles punzões de velho que anda e peida sem perceber, milhões de arrotos (me senti com 80 anos), Rafa se divertindo, e eu com dor. Os pontos até então não doíam. Sentia uma dor interna, muito parecida com aquela dor que sentimos no baço quando corremos sabe? Só que bem mais forte e do outro lado. A dor era mais intensa quando eu levantava (fiquei andando curvada uns 3 dias) e doía MUUUUUITO quando eu deitava…..
Cheguei em casa por volta das 11 da manhã e dormi a tarde toda.
A noite dei umas andadas no meu micro apê, mas ficava andando toda hora….. não queria sentir dor, e muita bolsa de água quente, luftal, etc.
Na sexta durante a madrugada, o pior aconteceu. Eu nunca durmo de barriga para cima, sempre de lado, e com a cirurgia era impossível. Depois de mais de 24 horas dormindo reta, meu siático atacou e começou a doer muito, mas muito mesmo…. Não tinha posição. Umas 2:30 da manhã Rafa acorda e resolve montar o sofá cama da sala, que é duro para burro, para ver se resolvia minha dor nas costas. Na verdade ele queria mesmo era dormir em paz sem escutar meus murmúrios e mexidas constantes na cama (rs). Não adiantou. Se dormi, foi uma hora no máximo. De manhã entrei em desespero…. comecei a chorar porque tudo que eu queria era deitar para a barriga parar de doer mas as costas não deixavam, estava caindo de sono… liguei para minha mãe logo cedo (só elas nesses momentos né?) e ela mandou eu tomar tandrilax, fazer bolsa de água quente e deitar no chão duro o dia todo.
E foi só o que fiz.
Rafa fez almoço, cuidou da casa, supermercado, um verdadeiro maridão.
No domingo ele já estava meio de saco cheio, reclamando….. rs
Na noite de sábado para domingo coloquei uma almofada dura pra burro na bunda para levantar a coluna e consegui durmir por algumas horas. Foi a solução.
No domingo já estava boa da barriga, com quase nada de dor, mas as costas ainda doíam.
Fomo no cinema assistir James Bond (Rafa ama). Eu não queria, mas nem falei nada e até fui eu quem sugeriu. Poxa, o cara cuidou de mim 3 dias, estava sem dormir direito, não fez nada no final de semana dele, mais que merecido né? Mas o que eu mais temia aconteceu. A dor nas costas que havia melhorado bastante piorou naquela cadeirinha do cinema.
Mas tudo bem, voltamos para casa e apesar de a cada 2 horas eu estar chorando pelos cantos pelo meu cachorro (ainda não consigo imaginar como será chegar na casa de minha mãe e ele não estar lá), assim como meus pais e minha irmã, me recuperei bem e nem tomei analgésico durante o domingo. Na noite para segunda dormi bem pois já consegui virar (de um lado somente) fazendo o maior esquema: colocando bolsa de agua quente contra a barriga e uma almofada gigante atrás da bolsa, ou seja, como se estivesse grávida, e essa quantidade de coisas segurou minha barriga que não caiu para o lado e consegui dormir. Com isso a dor nas costas não incomodou. E foi assim de ontem para hoje também, já estou dormindo de lado (ambos) normal, não sinto mais dor na barriga. A única coisa que dói um pouco são os pontos, pois fico sentada trabalhando o dia todo e aperta os pontos…. mas nada que incomode muito. Mas o siático, ah esse danado dói o dia todo por causa dessas cadeiras péssimas de trabalho.

Falando em trabalho, o pior ambiente possível. Estou monossílada e robótica, acho tudo legal, sorrisinho amarelo, me pergunta respondo sim ou não, sem mais, obrigada.
É ruim você enfrentar problemas fora do trabalho e não ter o trabalho como uma distração. Pelo contrário, mais uma dor de cabeça. Mas c’est la vie, vamos tocando o barco.
Estou comendo até, quero distância de dieta…. tô triste e me deixa vai….

Este final de semana vou para RP, comemorar meus 30 anos junto da família.
E final de semana que vem, Rafa e eu vamos viajar para comemorar…. depois conto o destino!
Beijos
Cynthia

Nenhum coment??rio

pr??ximo »